Folhas caídas de Outono: esta estação lembra-nos da importância de abrir mão do que não faz falta | Foto: Pexels

O Outono é muitas vezes visto, com desânimo, como o fim do Verão, do bom tempo e dos longos dias de sol. Mas mais do que o regresso do frio, esta estação é tempo de libertação e de renovação interior, que podem ser potenciadas com Reiki.

Já reparou como, no Outono, a Natureza parece libertar-se do que não precisa? É nesta altura de transição que as árvores se despojam das folhas e se preparam, vazias de tudo o que já não é necessário, para o recolhimento e introspeção propícios do Inverno.

Esta metáfora natural é um convite a olhar esta estação, tão vezes vista de forma negativa, como um momento para seguir o ciclo natural, abrir mão do que já não serve e mudar hábitos e atitudes.

Esse processo de libertação e renovação pode, por vezes, ser dolorosa, pela dificuldade em desprender-se do que tem que ser deixado para trás. O Outono vem relembrar-nos da impermanência e da necessidade de praticar o desapego para encontrar a verdadeira estabilidade interior.

A psicóloga Susana Matos Duarte explica, num artigo da Oficina de Psicologia, que “as estações do ano têm os seus rituais e os seus propósitos, e o Outono, pelas suas características, convida a um período de reflexão e desapego. Tal como a árvore, que perde as folhas mas mantém as suas raízes, o ser humano deve fazer consigo mesmo este trabalho introspectivo e de desprendimento do que já não interessa”.

Se é uma das pessoas sensíveis à chegada do Outono, não está sozinho: segundo o artigo da especialista, “estudos indicam que há uma relação direta entre as mudanças de estação e o número de internamentos em hospitais psiquiátricos, havendo uma maior tendência para quadros depressivos na estação Outono/Inverno”.

Ter consciência da sua sensibilidade à nova estação e do potencial da mudança do Outono para o seu bem-estar, permite-lhe estar em condições de agir em seu próprio benefício quando ela chegar.

Atente aos seus sinais e, se necessário, procure ajuda especializada. Se é praticante de Reiki dedique-se à sua prática, com o foco na identificação do que lhe está a “pesar” e na sua libertação interior. Pode também aproveitar esta altura para equilibrar-se e harmonizar-se com Reiki através de um terapeuta.

Porque o que fazemos fora se reflete dentro, e vice-versa, é ainda possível exercitar o desapego e a renovação libertando-se das coisas que já não usa ou de que não precisa.

Ao fazer a sua “limpeza de Outono” interior, vai permitir-se encarar a introspeção do Inverno com maior conforto e leveza, em paz com a sua essência. Lembre-se que a renovação é necessária para “nascer” novamente.

Como está a encarar a chegada do Outono? Que impacto tem a nova estação no seu bem-estar? Diga-nos nos comentários!

“O Universo não poderá verter energia nova dentro da sua taça, se ela estiver constantemente cheia de algo velho.” – Clear Englebert, em “Feng Shui Simplificado”.

 

Written by Reiki Studio

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.